Tudo o que você precisa saber sobre alimentos ricos em enxofre

O enxofre é um dos principais elementos da atmosfera (1 Fonte Confiável)

Está ao seu redor, inclusive no solo em que sua comida cresce, tornando-a parte integrante de muitos alimentos.

Seu corpo usa enxofre para várias funções importantes, incluindo a construção e reparação de DNA, além de proteger suas células contra danos. Assim, a inclusão de alimentos ricos em enxofre em sua dieta é vital para sua saúde (2 Fonte Confiável)

No entanto, algumas pessoas relatam sentir-se melhor ao eliminar ou reduzir drasticamente os alimentos ricos em enxofre de sua dieta.

Este artigo analisa as evidências mais recentes sobre se os alimentos com enxofre são benéficos ou devem ser evitados.

O que é enxofre?

Enxofre, cálcio e fósforo são os três minerais mais abundantes no corpo humano (3 Fonte Confiável)

O enxofre desempenha um papel importante em funções cruciais do corpo, como produzir proteínas, regular a expressão gênica, construir e reparar o DNA e ajudar o corpo a metabolizar os alimentos (2 Fonte Confiável)

Esse elemento também é essencial para produzir e reciclar glutationa – um dos principais antioxidantes do corpo que ajuda a reduzir a inflamação e a prevenir danos às células causados ​​pelo estresse oxidativo (2 Fonte Confiável)

O enxofre também ajuda a manter a integridade dos tecidos conjuntivos, como pele, tendões e ligamentos (3 Fonte Confiável)

Muitos alimentos e bebidas – até mesmo água potável de certas origens – contêm naturalmente enxofre. Alguns medicamentos e suplementos, incluindo certos antibióticos, analgésicos e remédios para dores nas articulações, também contêm níveis variáveis ​​desse mineral (4 Fonte Confiável5 ).

RESUMO

O enxofre é um mineral que seu corpo usa para várias funções, incluindo a produção e a reparação de DNA. Muitos alimentos e bebidas, assim como água potável, medicamentos e suplementos, contêm enxofre.

Alimentos e bebidas ricos em enxofre

O enxofre é encontrado em uma grande variedade de alimentos. As maiores categorias incluem (2 Fonte Confiável5 ,6 Fonte Confiável):

  • Carnes e aves: especialmente carne, presunto, frango, pato, peru e carnes de órgãos, como coração e fígado
  • Peixes e frutos do mar: a maioria dos tipos de peixes, bem como camarões, vieiras, mexilhões e camarões
  • Leguminosas: especialmente soja, feijão preto, feijão, ervilha e feijão branco
  • Nozes e sementes: especialmente amêndoas, castanhas do Brasil, amendoins, nozes e sementes de abóbora e gergelim
  • Ovos e laticínios: ovos inteiros, queijo cheddar, queijo parmesão e gorgonzola e leite de vaca
  • Frutas secas: especialmente pêssegos, damascos, sultanas e figos secos
  • Certos vegetais: particularmente aspargos, brócolis, couve de Bruxelas, repolho roxo, alho-poró, cebola, rabanete, nabo e agrião
  • Certos grãos: especialmente cevada, aveia, trigo e farinha feitos com esses grãos
  • Certas bebidas: particularmente cerveja, sidra, vinho, leite de coco e suco de uva e tomate
  • Condimentos e especiarias: especialmente raiz-forte, mostarda, marmita, caril em pó e gengibre em pó

A água potável também pode conter quantidades significativas de enxofre, dependendo de onde você mora. Isso pode ser especialmente verdadeiro se você extrair a água de um poço ( 5 ).

Além disso, sulfitos – um conservante alimentar derivado do enxofre – são comumente adicionados a alimentos embalados, como geléias, picles e frutas secas, para prolongar sua vida útil. Os sulfitos também podem se desenvolver naturalmente em alimentos e bebidas fermentados, incluindo cerveja, vinho e cidra ( 5 ).

RESUMO

O enxofre é encontrado naturalmente em uma variedade de alimentos e bebidas. O sulfito derivado do enxofre é outra forma de enxofre comumente adicionada a alguns alimentos embalados.

Possíveis efeitos colaterais de muito enxofre

Embora seguir uma dieta que contenha enxofre suficiente seja vital para sua saúde, muito desse mineral pode causar alguns efeitos colaterais desagradáveis.

Diarréia

Água potável contendo altos níveis de enxofre pode causar fezes soltas e diarréia. Quantidades excessivas desse mineral na água também podem dar um sabor desagradável e cheirar a ovos podres. Você pode testar o teor de enxofre da sua água usando palitos de enxofre ( 5 ).

Por outro lado, atualmente não há fortes evidências de que a ingestão de grandes quantidades de alimentos ricos em enxofre tenha o mesmo efeito laxante.

Inflamação intestinal

Uma dieta rica em enxofre pode piorar os sintomas naqueles com colite ulcerosa (UC) ou doença de Chron (CD) – duas doenças inflamatórias intestinais que causam inflamação crônica e úlceras no intestino.

Pesquisas recentes sugerem que alimentos ricos em enxofre podem ajudar um tipo específico de bactéria redutora de sulfato (SRB) a prosperar em seu intestino. Essas bactérias liberam sulfeto, um composto que se pensa quebrar a barreira intestinal, causando danos e inflamação (7 Fonte Confiável8 Fonte Confiável)

Dito isto, nem todos os alimentos ricos em enxofre podem ter o mesmo efeito. Por exemplo, enquanto uma dieta rica em produtos animais contendo enxofre e pobre em fibras pode aumentar os níveis de SRB, uma rica em vegetais contendo enxofre parece ter o efeito oposto (8 Fonte Confiável)

Além disso, muitos fatores além do teor de enxofre dos alimentos podem influenciar o equilíbrio das bactérias intestinais. Portanto, são necessárias mais pesquisas antes que conclusões fortes possam ser feitas.

RESUMO

Beber água com altos níveis de enxofre pode causar diarréia. Pessoas com CD e UC podem se beneficiar da limitação da quantidade de certos alimentos ricos em enxofre em sua dieta, mas são necessárias mais pesquisas.

Algumas pessoas são sensíveis ao enxofre?

Curiosamente, algumas pessoas relatam sentir-se melhor quando seguem uma dieta com baixo teor de enxofre. No entanto, atualmente há pesquisas limitadas sobre intolerância ao enxofre.

Em vez disso, a maioria dos estudos se concentra nos efeitos colaterais dos sulfitos – um conservante derivado do enxofre que é adicionado a algumas bebidas alcoólicas e alimentos embalados para evitar deterioração e prolongar a vida útil.

Cerca de 1% das pessoas parecem ter uma sensibilidade aos sulfitos que causa prurido, urticária, inchaço, náusea ou sintomas semelhantes à asma quando expostos a alimentos ricos em sulfitos. Em casos extremos, a exposição pode até causar convulsões ou choque anafilático (9 Fonte Confiável)

Pessoas sensíveis aos sulfitos se beneficiam de evitar alimentos que os contenham. No entanto, atualmente, existem poucas evidências que sugiram que eles também se beneficiem da limitação de alimentos ricos em enxofre.

Se você é sensível aos sulfitos, verifique os rótulos dos alimentos e evite ingredientes como sulfito de sódio, bissulfito de sódio, metabissulfito de sódio, dióxido de enxofre, bissulfito de potássio e metabissulfito de potássio (9 Fonte Confiável)

RESUMO

Algumas pessoas são sensíveis aos sulfitos, um conservante derivado de enxofre adicionado a algumas bebidas alcoólicas e alimentos embalados. Como tal, eles devem evitar alimentos ricos em sulfito. No entanto, há poucas evidências de que eles devam evitar alimentos ricos em enxofre.

<

Alimentos ricos em enxofre também podem ser benéficos

Apesar das possíveis desvantagens de obter muito enxofre, é importante incluir esse nutriente em sua dieta.

O enxofre desempenha um papel crítico na expressão gênica e na manutenção da integridade dos tecidos corporais. Também ajuda a metabolizar os alimentos e protege seu corpo contra inflamações e estresse oxidativo (2 Fonte Confiável3 Fonte Confiável)

Além disso, alimentos ricos em enxofre são frequentemente ricos em uma variedade de outros nutrientes e compostos vegetais benéficos. Cortar esses alimentos fora de sua dieta pode dificultar o atendimento às suas necessidades diárias de nutrientes.

Além disso, certos alimentos ricos em enxofre, como alho e vegetais crucíferos, podem até ajudar a proteger contra doenças como diabetes tipo 2, doenças cardíacas e câncer, além de perdas relacionadas à idade da função cerebral (10 Fonte Confiável11 Fonte Confiável12 Fonte Confiável13 Fonte Confiável14 Fonte Confiável)

Portanto, limitar drasticamente a ingestão desses alimentos não é recomendado, a menos que seja realmente necessário.

Se você suspeitar que alimentos ricos em enxofre sejam causa de desconforto intestinal, considere a orientação de um nutricionista registrado para garantir que sua dieta com baixo teor de enxofre continue atendendo às suas necessidades diárias de nutrientes.

RESUMO

Certos alimentos ricos em enxofre podem proteger contra certas doenças. Os alimentos ricos em enxofre também tendem a ser ricos em uma variedade de outros nutrientes, e comer muito pouco desses alimentos pode dificultar o atendimento às suas necessidades nutricionais.

A linha inferior

O enxofre é um mineral envolvido em muitos processos importantes em seu corpo, incluindo a produção e a reparação de DNA. Portanto, comer bastante alimentos ricos em enxofre é essencial para sua saúde.

Dito isto, beber água contendo muito mineral pode causar fezes soltas e diarréia. Além disso, uma dieta rica em enxofre pode piorar os sintomas em pessoas com certas doenças inflamatórias intestinais.

Lembre-se de que a maioria dos alimentos ricos em enxofre também contém uma variedade de outros nutrientes benéficos. Aqueles que suspeitam que alimentos ricos em enxofre contribuam para o desconforto intestinal podem querer falar com um nutricionista para garantir que sua dieta continue atendendo às suas necessidades diárias de nutrientes.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *